Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \31\-03:00 2010

Quando setembro vier,
De tão azul, o céu parecerá pintado.

.Caio Fernando Abreu

Read Full Post »

(…) Então eu agradeço, eu tenho medo e espanto e terror e ao mesmo tempo maravilhamento e outras coisas com e sem nome, mas agradeço. Aos deuses dos jardins, aos deuses dos homens, aos deuses do tempo e até aos das ervas daninhas que nos fazem lutar feito tigres feridos fundo no peito, sim, eu agradeço.

.Caio Fernando Abreu

Read Full Post »

Como se eu fosse ouvida, eu gritei. Como se eu quisesse ser vista, eu gastei papel e tinta. Gastei meus dedos calejados no violão ao som de “Que País é Este?”. Rouca demais, pequena demais. Suficientemente tímida pra virar revolucionária de sofá. Eu me revolto com a notícia e mudo de canal. Eu prefiro rir da incapacidade de relacionamento do Dr. House do que admitir a minha própria.

.Verônica H.

Read Full Post »

Não lembro em que momento percebi que viver deveria ser uma permanente reinvenção de nós mesmos — para não morrermos soterrados na poeira da banalidade embora pareça que ainda estamos vivos.
Mas compreendi, num lampejo: então é isso, então é assim. Apesar dos medos, convém não ser demais fútil nem demais acomodada. Algumas vezes é preciso pegar o touro pelos chifres, mergulhar para depois ver o que acontece: porque a vida não tem de ser sorvida como uma taça que se esvazia, mas como o jarro que se renova a cada gole bebido. Pensar é transgredir.

.Lya Luft

Read Full Post »

Valeu à pena esperar!

Pra quem não sabe, Rita Lee esteve ontem aqui em Fortaleza com o seu ETC… – show da nova turnê em que canta seus maiores sucessos. A cantora, com mais de 40 anos de carreira, mostrou que ainda está com tudo e cantou sucessos como ¨Ovelha Negra¨, ¨Erva Venenosa¨, ¨Amor e Sexo¨, Chega Mais¨ e ¨Desculpe o Auê¨, que levaram o público ao delírio!

Como o de costume, Rita foi ácida em suas declarações. A cantora fez críticas sobre o cenário político e bateu papo com o público, além de criticar o lugar do show por separar a área vip, com mesas, e  a pista.

O resultado foi um show divertidíssimo, dançante e, com toda certeza, inesquecível!

(já espero o próximo!)

Foto e vídeo: Felipe Muniz Palhano e Rummenigge Santos

Read Full Post »

Minha lâmpada de cabeceira está estragada. Não sei o que é, não entendo dessas coisas. Ela acende e, sem a gente esperar, apaga. Depois acende de novo, para em seguida tornar a apagar. Me sinto igual a ela: também só acendo de vez em quando, sem ninguém esperar, sem motivo aparente. Para a lâmpada pode-se chamar um eletricista. Ele dará um jeito, mexerá nos fios e em breve ela voltará a ser normal, previsível.
Mas e eu? Quem desvendará meu interior para consertar meus defeitos?

.Caio Fernando Abreu

Read Full Post »

♪ e quis ter os pés no chão
tanto eu abri mão
que hoje eu entendi
sonho não se dá
é botão de flor. ♪

.Rodrigo Amarante.

Read Full Post »

Tudo que sabemos a respeito do amor é inacabado. A cada pretensa linha de chegada, o nosso entendimento se depara com uma nova linha de partida. A cada porta atravessada, encontramos mais à frente uma outra para ser aberta. Fonte inesgotável de vida, o amor é um caminho que clareia, progressivamente, à medida em que o percorremos. É como se cada passo nosso descortinasse um pouco mais da sua luz. A jornada é feita de dádivas e alegrias, mas também de imprevistos, embaraços, inabilidades, lições de toda espécie. De vez em quando tropeçamos nos trechos mais acidentados. Depois levantamos e prosseguimos: o chamado do amor é irrecusável para a alma. Desistir dele para ela, é como desistir de respirar.

.Ana Jácomo

Read Full Post »

♪ Me escreva uma carta sem remetente
Só o necessário e se está contente
Tente lembrar quais eram os planos
Se nada mudou com o passar dos anos
E me pergunte o que será do nosso amor?

Descreva pra mim sua latitude
Que eu tento te achar no mapa-múndi
Ponha um pouco de delicadeza
No que escrever e onde quer que me esqueças
E me pergunte o que será do nosso amor? ♪

.Thiago Pethit.

Read Full Post »

Ouça com o coração quando quase lhe parecer silêncio: é o meu amor falando baixinho só pra não acordar o seu medo de amar.

.Ana Jácomo

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: